Aprender na Era das Tecnologias Móveis (acreditado) | Academia Virtual | Cursos Online

Aprender na Era das Tecnologias Móveis (acreditado)

  • duração

    8 semanas

  • horas necessárias

    25 horas

  • n.º módulos

    7 módulos

  • acreditação

    Acreditado

  • valor

    89€

Aprender na Era das Tecnologias Móveis

As estruturas educativas centram o seu pensamento estratégico na criação e melhoria das condições de aprendizagem dos seus alunos, bem como em políticas de obtenção de melhores resultados. Por este motivo, a definição de estratégias partindo de modelos de aprendizagem ativos e recorrendo a tecnologia e diferentes espaços físicos assume-se como determinante.

Neste curso encontrará uma introdução à pedagogia de Mobile Learning, apelando à renovação das práticas letivas e à reflexão conjunta sobre a criação de estratégias que incluem a utilização dos dispositivos digitais móveis na planificação e construção da aprendizagem.

Datas disponíveis

  • 03-01-2022
    AETMAC - Ação 4

O número de vagas existente em cada ação está dependente do pagamento das inscrições realizadas. As que não forem pagas num período de 24 horas deixarão de ser válidas e darão origem a novas vagas. Mantenha-se atualizado, consultando esta página com regularidade.

Objetivos

  • Introduzir a utilização de mobile learning em contexto educativo.
  • Promover um conhecimento de metodologias ativas com utilização de tecnologia móvel.
  • Integrar as componentes científica, técnica e pedagógica na elaboração de planos de aula.
  • Construir, aplicar e refletir sobre recursos digitais para uso ubíquo.
  • Utilizar de forma colaborativa plataformas digitais.
  • Conhecer cenários de inovação pedagógica ativos.

Programa

Módulo 1Apresentação
  • Apresentação do curso
Módulo 2A era das tecnologias móveis
  • Aprender na era das tecnologias móveis
  • Sociedade mobile
  • As potencialidades das tecnologias móveis para aprender
  • O potencial pedagógico da fotografia e do vídeo
  • Benefícios da educação mobile
Módulo 3A Escola e a aprendizagem
  • O que é a Escola e para que serve?
  • Onde se aprende?
  • Como se aprende?
  • A evolução política da educação em Portugal
  • Perfil do professor do século XXI
Módulo 4As tecnologias móveis e outros cenários de inovação pedagógica
  • Flipped learning
  • Game based learning versus Gamificação
  • Digital storytelling
Módulo 5Recursos e ferramentas tendo por base as tecnologias móveis
  • Diários de aprendizagem, murais interativos e mapas mentais
  • Quizzes, videoaulas interativas e realidade aumentada
  • Fidedignidade e fidelidade de informação
Módulo 6Aferição das aprendizagens com as tecnologias móveis
  • Avaliar ou aferir em e-learning?
  • Plataformas de monitorização de aprendizagens
  • Os seis elementos-chave da avaliação
Módulo 7Módulo final
  • Bibliografia geral e links úteis

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico e Secundário de qualquer grupo de recrutamento.

Modalidade

A formação realizar-se-á em regime de e-learning, com sessões de trabalho síncronas (por videoconferência) e assíncronas.

Em cada módulo, serão disponibilizados vídeos, documentação, links e bibliografia que permitirão aos formandos aprofundar o seu conhecimento sobre os temas.

As propostas de atividade de cada sessão promoverão o desenvolvimento de trabalho individual e/ou em grupo, nomeadamente através de exercícios interativos e sugestões de reflexão, a desenvolver no fórum, sobre as temáticas em causa. Será privilegiada a aplicação e a reflexão sobre a prática, numa ligação estreita com os contextos e as vivências profissionais dos formandos. As sessões incluirão, ainda, momentos e espaços de partilha de experiências e de discussão, através de fóruns online. O formador terá um papel facilitador, promovendo a reflexão sobre os temas e colocando questões de ordem teórica e prática a trabalhar em cada sessão. O acompanhamento, esclarecimento de dúvidas e apoio às atividades de aprendizagem far-se-á através de fóruns de discussão e correio eletrónico.

Acreditação

Esta ação de formação é acreditada pelo Conselho Científico-Pedagógico de Formação Contínua, em parceria com o Centro Formação Leonardo Coimbra - Associação Nacional de Professores, com 25 horas para efeitos de progressão na carreira docente.

Releva para efeitos da aplicação do artigo 8.º do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, para Professores dos Ensinos Básico e Secundário.

Requisitos de avaliação

A avaliação decorrerá em conformidade com o Regime Jurídico da Formação Contínua, bem como pela Carta Circular CCPFC-3-2007. Tem como requisito essencial a participação num mínimo de dois terços do tempo previsto para as sessões síncronas.

A avaliação centrar-se-á na participação, no trabalho e na evolução dos/as formandos/as. Serão consideradas a participação no fórum, nas sessões assíncronas e síncronas, e a execução das tarefas propostas, incluindo questionários de avaliação e relatório crítico. Será também avaliada a qualidade e a pertinência da participação dos formandos em fóruns sobre os diversos temas.

Os formandos deverão ainda apresentar um relatório final elaborado com base as instruções do formador.

Cronograma

As ações calendarizadas realizar-se-ão mediante um número mínimo de formandos inscritos.

Consulte aqui o vídeo tutorial e as instruções de acesso às sessões síncronas.

Ação 4
03-01-2022 a 21-02-2022
Formadores: Marco Bento; Celestino Magalhães

 

Sessões síncronas:

Sessão 1 03-01-2022 | 18h30-20h00
Aprender a qualquer hora e em qualquer lugar

Sessão 2 17-01-2022 | 18h30-20h00
Inovação pedagógica com tecnologia

Sessão 3 31-01-2022 | 18h30-20h30
A Escola que temos ou a Escola que queremos

A participação num mínimo de dois terços do tempo previsto para as sessões síncronas é requisito essencial para a avaliação.

Autores e Formadores

Marco Bento
Autor
Marco Bento

Professor na Escola Superior de Educação de Coimbra e investigador em tecnologia educativa no Núcleo de Investigação, Educação, Formação e Intervenção (ESEC) e no Centro de Investigação em Educação da Universidade do Minho.
Licenciado em Ensino Básico – 1.º Ciclo, pós-graduado em TIC e mestre em Comunicação Multimédia.
Integra a Direção Pedagógica do Colégio Santa Eulália, que foi considerado a primeira instituição de ensino de referência Google For Education, em Portugal.
Lidera o Grupo de Educadores da Google SUPERTABi Portugal e coordena o Projeto SUPERTABi que aposta em práticas pedagógicas mediadas por tecnologias móveis em novos espaços de aprendizagem, no concelho da Maia.
Em 2015, foi distinguido com uma bolsa de mérito académico pelo seu percurso no Ensino Superior, e em 2016, recebeu um prémio europeu para a investigação na área das práticas pedagógicas de utilização do digital com crianças. Em 2018, nova distinção no âmbito de uma investigação em ambientes educativos inovadores mediados por tecnologia.
Enquanto investigador tem vindo a participar em projetos europeus no domínio da robótica com as STEAM, práticas pedagógicas em modelos online, aprendizagem com jogos educativos e hábitos de estudo na era tecnológica.
Participa ainda ativamente na Rede COST- Digital Literacy Skills and Practices in the Early Years (DigiLitEY) como  coinvestigador em "Competências de literacia digital e multimodalidade: práticas com crianças entre os 4 e 9 anos de idade" e na Rede Internacional de Investigação-Ação Colaborativa.
Entre 2018 e 2021, participou também no projeto “Migrações digitais e inovação curricular: ressignificar a experiência e (re)encantar a profissão docente depois dos 50” (REKINDLE+50), da Fundação de Ciência e Tecnologia.
Em 2020, participou nos ciclos de webinars Escola Virtual/Academia Virtual com as seguintes intervenções:
• Ser professor a 360º - Ensine a distância já: Primeiras Dicas!
• Ser professor a 360º - Ensine a distância já: Aprendizagem Invertida!
• Ser encarregado de educação a 360º - Segurança Online!


 

Cursos
Celestino Magalhães
Formador
Celestino Magalhães

Licenciado em Engenharia Zootécnica pela Universidade dos Açores.
Mestre em Sistemas de Informação e em TIC – Tecnologias de Informação e Comunicação: Especialização Multimédia.
Investigação no domínio do uso criativo de vídeo em Educação e na edição de vídeo com smartphones e tablets enquanto estratégia pedagógica para a compreensão de conceitos complexos em Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (CTEM).
Professor do 2.º Ciclo.
Professor na Pós-Graduação em TIC: Tecnologias Educacionais Novas Formas de Aprender em ISP Jean Piaget de Benguela.
Investigador em Tecnologia Educativa no Centro de Investigação em Educação (CIEd) da
Universidade do Minho.
Docente convidado no Instituto Piaget de Vila Nova de Gaia. Investigador no projeto EPRIS – e-learning em contexto prisional.
Investigador da RECI - Research in Education and Community Intervention.
Colaborador de Programação e Robótica no Colégio de Santa Eulália, Google For Education 1st Reference School Portugal.
Formador acreditado pelo Conselho Científico-Pedagógico de Formação Contínua na área de Tecnologias Educativas no Ministério da Educação e Ciência.
Co-leader do Google Educator Group GEG SUPERTABi Portugal.
Mote Certified Educator.
Coordenador do Projeto ERASMUS + BeREADY – "Supporting the continuation of teaching STEM subjects during the COVID-19 Pandemic through project-based online practices".

Cursos
Marco Bento
Formador
Marco Bento

Professor na Escola Superior de Educação de Coimbra e investigador em tecnologia educativa no Núcleo de Investigação, Educação, Formação e Intervenção (ESEC) e no Centro de Investigação em Educação da Universidade do Minho.
Licenciado em Ensino Básico – 1.º Ciclo, pós-graduado em TIC e mestre em Comunicação Multimédia.
Integra a Direção Pedagógica do Colégio Santa Eulália, que foi considerado a primeira instituição de ensino de referência Google For Education, em Portugal.
Lidera o Grupo de Educadores da Google SUPERTABi Portugal e coordena o Projeto SUPERTABi que aposta em práticas pedagógicas mediadas por tecnologias móveis em novos espaços de aprendizagem, no concelho da Maia.
Em 2015, foi distinguido com uma bolsa de mérito académico pelo seu percurso no Ensino Superior, e em 2016, recebeu um prémio europeu para a investigação na área das práticas pedagógicas de utilização do digital com crianças. Em 2018, nova distinção no âmbito de uma investigação em ambientes educativos inovadores mediados por tecnologia.
Enquanto investigador tem vindo a participar em projetos europeus no domínio da robótica com as STEAM, práticas pedagógicas em modelos online, aprendizagem com jogos educativos e hábitos de estudo na era tecnológica.
Participa ainda ativamente na Rede COST- Digital Literacy Skills and Practices in the Early Years (DigiLitEY) como  coinvestigador em "Competências de literacia digital e multimodalidade: práticas com crianças entre os 4 e 9 anos de idade" e na Rede Internacional de Investigação-Ação Colaborativa.
Entre 2018 e 2021, participou também no projeto “Migrações digitais e inovação curricular: ressignificar a experiência e (re)encantar a profissão docente depois dos 50” (REKINDLE+50), da Fundação de Ciência e Tecnologia.
Em 2020, participou nos ciclos de webinars Escola Virtual/Academia Virtual com as seguintes intervenções:
• Ser professor a 360º - Ensine a distância já: Primeiras Dicas!
• Ser professor a 360º - Ensine a distância já: Aprendizagem Invertida!
• Ser encarregado de educação a 360º - Segurança Online!


 

Cursos

Opinião dos formandos

Aprender com os MELHORES
Ana Paula Candeias ● 15-10-2021
Vai ser EXCELENTE poder aprender com os MELHORES e na ACADEMIA! Eu não tenho dúvidas, vejam as aprendizagens, vejam o currículo e a experiência do formador, tudo aliado à pertinência da TEMÁTICA a desenvolver.